terça-feira, 24 de junho de 2008

13 mil e 241 eleitores legitimam projeto que cria o meio-passe


Hoje (24) ás 7:30 da manhã, durante reunião ordinária na Câmara Municipal de Montes Claros, o vereador pelo quarto mandato consecutivo Lipa Xavier - PCdoB, formalizou a entrega do projeto de implantação do meio-passe estudantil no transporte coletivo urbano na cidade. Montes Claros é a maior cidade do Norte de Minas Gerais e possui quase 400 mil habitantes. Grande parcela da população é formada por estudantes secundaristas e acadêmicos.


Há dezesseis anos, Lipa Xavier luta pela implantação do benefício estudantil, e sempre teve dificuldades em direcionar o projeto para a apreciação do poder legislativo. Esta dificuldade é fundamentada pelos interesses do “lobby” das empresas de transporte, responsáveis pelo traslado no perímetro urbano da cidade, que “enxergam” a implantação do beneficio estudantil como “ameaça” para os seus interesses comerciais e econômicos.


Todos os anos, as passeatas a favor do meio-passe estudantil são articuladas pelas principais lideranças estudantis de Montes Claros e também diretores da União da Juventude Socialista (UJS), União Colegial de Minas Gerais (UCMG), União Nacional dos Estudantes (UNE), União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e da União Estadual dos Estudantes de Minas Gerais (UEE-MG). Esta iniciativa tem como objetivo apresentar os anseios dos estudantes em adquirir o benefício, além de pressionar o poder legislativo a apreciar o projeto, e o executivo em implantar “por definitivo”, o meio-passe estudantil.


Somente neste ano de 2008 foram realizadas duas grandes passeatas, com mais de cinco mil estudantes nas ruas, reivindicando mais esse direito da classe estudantil. Na última passeata, realizada no dia 24 de abril, milhares de estudantes durante ocupação do hall de entrada da Prefeitura Municipal de Montes Claros foram agredidos covardemente pela Polícia Militar e seus grupos táticos da mesma corporação policial. Este episódio gerou sérias conseqüências, inclusive o agendamento para o próximo dia 26 de junho, da vinda da Comissão de Direitos Humanos da Assembléia Legislativa de Minas Gerais, para apurar os fatos ocorridos na passeata. A Audiência da Comissão irá ocorrer na Câmara Municipal de Montes Claros.


Com o objetivo de apresentar à população o verdadeiro papel de um vereador: defender os interesses e anseios da população, o vereador do PCdoB Lipa Xavier, formalizou a entrega protocolada das 13.241 assinaturas de montesclarenses a favor da implantação do benefício estudantil nesta terça-feira (24) durante a reunião ordinária na Câmara Municipal. Trata-se do Projeto de Lei de Iniciativa Popular para implantação do beneficio, o vereador retirou o seu projeto, que tramita há 16 anos na Câmara Municipal.


Segundo Lipa, agora que trata-se de um Projeto de Lei de iniciativa popular feita pelos estudantes, não há mais argumentos de que o projeto trata-se de uma iniciativa partidária ou eleitoreira.


Esta iniciativa é consoante o disposto no Artigo 49 da Lei Orgânica Municipal de Montes Claros, que faculta a iniciativa das leis “ao eleitorado, que a exercerá sob a forma de moção articulada, subscrita, no mínimo, por cinco por cento do total do número de eleitores do Município”. Em Montes Claros, 5% do eleitorado, significam 11.250 eleitores.


Segundo Lucas Alves, vice-Norte da UCMG, a iniciativa vem mostrar que a população e, conseqüentemente, a classe estudantil de Montes Claros deseja realmente a implantação do benefício estudantil, e trata-se de uma resposta de como se faz democracia, após a reação da PM durante a manifestação do dia 24 de abril. “Se a policia bate em estudante pra manter a ‘ordem’, nós mobilizamos a sociedade para mostrar que ordem se faz é com cidadania e democracia!” afirmou o estudante.


Reportagem e Foto de Rodrigo de Paula



A Estrada vai além do que se vê!

2 comentários:

Alicio disse...

Q blz hein! É isso aí! Força estudantes (q andam de bus) de Moc! Agora só faltam mais empresas de transporte na cidade. Chega desse duplina medieval Transmoc e Alprino. Abram as licitações novamente!!

Carina disse...

Que legal !!!
É isso ai, muita luta para vocês, e parabéns pelas conquistas!
E que cada vez mais se conquiste tais bandeiras de luta do povo, pelo Brasil!