terça-feira, 30 de junho de 2009

Montesclarense é a nova presidente da UEE mineira

Luiza Lafetá: a nova presidente da UEE-Minas

41º Congresso da UEE de Minas Gerais elege a nova executiva e comemora os 10 anos de reconstrução da entidade

O 41º Congresso da UEE-MG aconteceu neste último final de semana (26, 27 e 28 de junho) na Universidade Federal de Viçosa, mobilizou 700 estudantes e elegeu a nova diretoria da entidade. A estudante montesclarense de História da Universidade Federal de Ouro Preto, Luiza Lafetá foi eleita para presidir a entidade na próxima gestão.

O Congresso também realizou um ato político de comemoração aos 10 anos de reconstrução da entidade. Diversas mesas de debates discutiram temas como a Crise Econômica Mundial: Desafios e Oportunidades para o Brasil e para Minas e a Educação Superior em Minas e os desafios da Conferência Nacional de Educação.

"Serão muitos desafios nesses próximos dois anos. A luta para ter nossa sede de volta é uma das mais importantes. Num momento em que, no plano nacional, o governo reconhece sua obrigação em reparar erros do passado, isso tem que repercutir nos estados também", disse Luiza.

O movimento estudantil mineiro tem ainda outros motivos para muitas mobilizações, a começar pela efetiva estadualização da UEMG, que fora da capital cobra mensalidades. "Conquistar a gratuidade da Universidade Estadual de Minas Gerais no interior será uma importante batalha. Assim como a luta pela construção do restaurante universitário na Unimontes (Universidade Estadual de Montes Claros)", conclui. O congresso ainda convocou um Conselho Estadual de Entidades de Base para reformar o estatuto da UEE-MG.

O evento encerrou com o lançamento da campanha "Nossa História ninguém apaga" pela reconquista da sede da UEE e UCMG em Belo Horizonte tomada pela repressão na ditadura.


Foto: Ramon Fonseca

A Estrada vai além do que se vê!

3 comentários:

Luciana Lopes. disse...

Ola Ramon:
bacana demais hein?
A priori, tentei falar com vc pra poder te informar q nos levamos o CONUNE na UNB com 60 por cento dos votos. Dos 18 delegados, 11 são nossos.
Parabéns a galera de MOC por mais essa vitória histórica.

Bloco do Zéder disse...

Quee legalll Ramon!!!!!!!!!!
Cara, Montes Claros é potência mundial em lideranças, hein//// karakas, né manoww! Que bomm, moss, que legal!! Grande abraço!!!!!!!

Anônimo disse...

I always inspired by you, your opinion and attitude, again, thanks for this nice post.

- Murk